Secretário de Saúde fala sobre problemas estruturais dos hospitais do Rio.
23/03/2018
1º Cine Debate Thais Moya promove discussão sobre o sistema de saúde e o Plantão do Judiciário

O primeiro Cine Debate Thais Moya promovido pela ADPERJ trouxe o filme "Plantão Judiciário", do jornalista Daniel Brunet. O curta-documentário mostra o drama de pessoas que precisaram recorrer à Justiça porque os sistemas público e privado de saúde falharam com elas.

Antes da exibição do filme, a Presidente da ADPERJ, Juliana Bastos Lintz, e a Defensora Pública Elaine Fernandez falaram um pouco sobre a colega Thais Moya, falecida há um ano. Por ser amante do cinema e ter se notabilizado por sua atuação frente à presidência da CAMARJ, no Conselho Superior da DPRJ e em gestões passadas da ADPERJ, a Associação batizou o projeto com seu nome.

O Cine Debate Thais Moya promoverá a exibição de filmes que tocam temas caros à Instituição fomentando debates importantes.

 Plantão Judiciário

Mediado por Brunet, o debate sobre o curta foi bastante interessante, tocando em pontos nevrálgicos do sistema de saúde - tanto público quanto privado. Foi consenso entre os participantes que os inúmeros problemas sociais históricos se agravaram com o recente empobrecimento da população fluminense.

De acordo com o Secretário de Saúde do Estado do RJ, Luiz Antonio de Souza Jr., o SUS experimentou um inchaço com a crise ao absorver 800 mil novos pacientes, gente que, ao perder o emprego, ficou sem plano de saúde.

Rodrigo Aguiar, Diretor da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), contou que, em 2016, a rede privada investiu R$ 138 bilhões em seu sistema. De acordo com ele os planos de saúde são usados por 25% dos brasileiros. Já na rede pública, que cuida dos outros 75% da população, o gasto foi menor, de R$ 117 bilhões.

No debate, a Coordenadora de Saúde e Tutela Coletiva da DPRJ, Thaisa Guerreiro, e o Defensor Público Ricardo Mattos, que aparece no filme, afirmaram que todos esses problemas desembocam no Plantão do Judiciário, que acaba sendo a última esperança de muita gente.



COMPARTILHE: