Foto: ASCOM DPGE
17/01/2017
André Castro é empossado para segundo mandato à frente da DPRJ

Na manhã desta terça-feira, 17/01, André Castro tomou posse do segundo mandato do cargo de Defensor Público Geral do Estado. Para a mesa e plateia composta de Defensores e representantes dos três Poderes, ele agradeceu o trabalho de sua equipe e renovou o compromisso de prestar o melhor serviço à população fluminense.

Reeleito em novembro do ano passado por 85,2% dos Defensores Públicos, André Castro ficará à frente da Instituição até o fim de 2018. Em seu discurso de posse, o Defensor elencou exemplos do trabalho estratégico da Defensoria nos últimos dois anos, como a atuação extrajudicial com intuito de agilizar e desafogar a Justiça e as audiências de custódia que reduzem o número de presos provisórios, grandes responsáveis pelo superencarceramento no estado.

“Na construção de novos paradigmas, a Defensoria caminha para poder ir além do enquadramento dos problemas dos usuários em modelos de petição. Poder fazer uso de um número bem maior de ferramentas aptas a buscar a solução mais efetiva para esses problemas” - falou.

Desafios

Ainda segundo André Castro, para os próximos dois anos, o desafio será ampliar os serviços a uma população cada dia mais empobrecida, no meio de uma crise sem precedentes, que também se abate sobre a própria Instituição.

Mesmo com as dificuldades hoje enfrentadas, o Defensor Geral estabeleceu algumas prioridades no seu novo mandato. A primeira delas é a informatização dos Órgãos com o uso do Sistema Verde, programa que permitirá a automatização de rotinas e o gerenciamento de informações. Outra meta é investir nas sedes da DPRJ na Baixada Fluminense, onde as estatísticas apontam um crescimento vertiginoso na procura pelos serviços da Defensoria.



COMPARTILHE: