Márcio Thomaz Bastos foi ministro da Justiça de 2003 a 2007. Foto: Agência Brasil
21/11/2014
ADPERJ lamenta morte de Márcio Thomaz Bastos

A ADPERJ vem externar seu pesar pela morte do ex-ministro da Justiça e advogado Márcio Thomaz Bastos, que morreu na última quinta-feira, 20 de novembro, em decorrência de fibrose pulmonar.


Bastos foi ministro da Justiça no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, entre os anos 2003 e 2007. Entre as ações de destaque nesse período em que esteve à frente da pasta está a aprovação da Emenda Constitucional n° 45, conhecida como a Reforma do Poder Judiciário, em 2004.


Homenagem da ANADEP

Bastos foi homenageado pela ANADEP, em 2009, com o Colar do Mérito da Associação Nacional, como forma de agradecimento pelo constante apoio ao fortalecimento da Defensoria Pública e à democratização do acesso à Justiça no país. Defensores Públicos de todo o país, reunidos em Porto Alegre (RS), por ocasião do “VIII Congresso Nacional de Defensores Públicos”, prestaram homenagem ao ex-ministro da Justiça. Na ocasião, Bastos recordou um fato ocorrido durante sua gestão no Ministério da Justiça, entre 2003 e 2007, quando o MJ elegeu o acesso à Justiça, uma das cinco prioridades para a Reforma do Judiciário. Em sua gestão, foi elaborado o “I Diagnóstico da Defensoria Pública no Brasil” e teve início a reforma da lei nacional da instituição, conferindo-a maior autonomia e melhor organização.

 

*Com informações da ANADEP



COMPARTILHE: